"> Restauração: quando fazê-la? – Familiari Odontologia

Atendimento : Segunda à sexta das 8h ao 12h das 13h30 às 18h
  Contato : 44 3524-1282 | 9845-5958

Restauração: quando fazê-la?

A maioria das pessoas tem dúvida quanto à restauração, que é um procedimento da área da odontologia que engloba os tratamentos para cáries ou traumas. A restauração, obturação ou denstística restauradora é indicada para acabar com a cárie e com a dor de dente, em determinados casos. Trata-se da reconstrução do dente, no qual são utilizados materiais como a resina, que é da cor do dente, ou o amálgama que é de cor prateada.

O diretor clínico da Familiari Odontologia, o cirurgião dentista, Dr. Carlos Mecca, explica que se faz a limpeza de toda a zona cariada, antes da restauração. “Essa limpeza é feita com um aparelho próprio e, após, coloca-se resina, ou amálgama, uma massinha de cor branca, ou cinzenta por cima do dente para cobrir a região. Por fim, o dente é polido, dando o acabamento final do material restaurador. Isso evita o surgimento de novas cáries no mesmo local”.

Segundo o dentista, a restauração deve ser feita mediante a avaliação, sendo importante para: eliminar cáries, evitar dor de dente, recuperar o formato dos dentes e melhorar a aparência. Dr. Carlos alerta que o não tratamento da cárie pode levar ao comprometimento dos tecidos dentários e provocar diversas adversidades. “A pessoa pode ter dores cada vez mais frequentes e intensas e, como, consequência, a necessidade de tratamento de canal, que é um tratamento mais invasivo. Há muitos casos de ocorrer até mesmo a perda do dente”, ressalta.

O dentista lembra que para quem já tem restaurações é fundamental a reavaliação a cada 06 meses. “O dente restaurado é sempre mais vulnerável que o dente íntegro, por isso a necessidade de verificar como estão as restaurações, mantendo visitas constantemente ao consultório odontológico”, afirma.